Uma das grandes questões de quem está grávida, essencialmente pela primeira vez, é se é necessário mudar a alimentação que até então se fazia. Depois de ter a certeza da gravidez, é importante ter em conta nutrientes não só para si, mas também para o bebê. Proteínas, vitaminas e ferro são alguns dos que devem entrar no seu cardápio.

Para tal, não precisa seguir a velha máxima de que a grávida tem que comer por duas pessoas. Quando se tem que comer melhor, não é obrigatório comer mais. A partir de agora, terá que pensar duas vezes em tudo o que come e planear as refeições para que sejam mais equilibradas e variadas.

Como podem as grávidas fazer uma alimentação saudável?

Durante a gestação, o seu corpo começa a trabalhar de forma mais eficiente e tira o máximo de neergia que você come. Então, nos primeiros seis meses não precisa de comer mais do que comia, só nos três meses finais é que se aconselha ingerir mais 200 ou 300 calorias, nada de mais.

O seu apetite deve regular o que come, mas ele vai variar, como é normal. Para saber o que comer e as dietas que pode fazer para que se sinta bem consigo e o seu corpo responda melhor ao tempo de gestação, pode ver os seguintes artigos e aplicá-los: